sábado, março 03, 2007

Observa

.
.
.



Observa o fundo dos meus olhos
e verás estradas para o teu silêncio
e as portas altas que batiam contra o vento
e as escadas
onde me esperava o teu sorriso.

Naquelas tardes não dormias assim,
dormias no sussurro das saias
que brincavam nas tuas mãos luminosas.

E os pássaros
atravessavam
os céus abertos das janelas

e tu não dormias assim.


#13. Constantin Brancusi, fragmento de escultura.

2 comentários:

amf disse...

gostei especialmente deste. parabéns pelo blog.

Victor L. disse...

Obrigado, AMF.